mea-estrela-brilhar

É comum ouvir comentários no ambiente corporativo sobre a estrela de determinado gestor, como se o mesmo fosse detentor de um atributo divino recebido dos céus.

Sabemos que ainda convivemos com atitudes imaturas nas organizações, que destacam o dom da sorte, como justificativa para o contínuo sucesso de excelentes profissionais. A vitimização cultural gera um o descaso ao mérito daqueles que realmente promovem resultados positivos.

Por isso, parece interessante provocar uma maior discussão sobre as qualidades que podem ser cultivadas para favorecer a ascensão profissional, os 5 Cs que geralmente diferenciam a qualidade de contribuição daqueles que “brilham” nas organizações:

  • Coerência: atenção ao alinhamento entre discurso e práticas. Atitude de autenticidade para expressar a própria realidade;
  • Compreensão: atenção ao contexto dos desafios diários. Atitude de empatia perante as demandas legítimas de situações e pessoas;
  • Cooperação: atenção ao propósito coletivo. Atitude de reconhecimento ao processo de interdependência das atividades, na composição dos resultados organizacionais;
  • Competência: atenção ao portfólio profissional. Atitude de valoração para com as condições de autodesenvolvimento;
  • Comprometimento: atenção ao cenário futuro. Atitude de protagonismo perante a carreira profissional.

Proponho aqui, o desafio de constatar a efetividade de cada uma das qualidades citadas acima. Para isso, que tal a partir da próxima 2af., exercitar uma qualidade a cada dia  para verificar os resultados dos 5Cs.

Mas cuidado, a nova prática pode trazer realizações inusitadas e o gosto pelo protagonismo…

Boa sorte!!!

     O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.

Albert Einstein

Sou professora, consultora, escritora, doutora em Administração de Negócios, graduada em Administração de Empresas, com Especialização e Mestrado em Gestão de Pessoas. Tenho como meu maior compromisso profissional, a educação corporativa. Trabalho construindo programas de capacitação de pessoas para empresas e instituições de ensino. Os aeroportos e hotéis são meus escritórios de apoio... Meu lema é “Amar o Saber para Saber Amar”.